Astrologia

Astrologia mundial 2021

Elena | 04/11/2020 - Última modificação: 23/11/2020

A astrologia mundial

Plutão transforma as estruturas fundamentais sobre as quais repousa (e dorme) o nosso velho mundo, ele mina as nossas bases para que possamos nos reinventar sem mais demora e os seus métodos são radicais! O planeta obscuro está se misturando ao pano de fundo em 2021, mas ainda assim está ativo e gerando grandes movimentos fundamentais. No entanto, sua carga viral tende a diminuir. Esperamos que o medo e a psicose gerada pela pandemia resistam por mais tempo do a própria ameaça. Observemos a tentação dos políticos de manter regras e sistemas que não mais se sustentam, ou mesmo de recuar para garantir uma ordem em colapso. Em 2021, a revolta está se formando e alguns movimentos de protesto são tentados a se apresentar sem reservas. Seria mais prudente para os líderes mundiais ouvir, não tentar controlar a todos e canalizar o movimento.

Na direção de quê? De mais empatia pelas queixas dos povos, da capacidade de escutar e ouvir as aspirações de uma humanidade que desperta para uma visão diferente do mundo. Nada nem ninguém poderá retardar este movimento a longo prazo, é do interesse de todos agora salvar o nosso planeta, a nossa pele e exaltar os aspectos mais nobres da nossa dimensão humana. Missão impossível se todos não se empenharem, se os detentores do poder não levarem em conta as demandas e defenderem seu assento apenas por interesse.

Espere, em 2021, ver tronos abalados, poderes vacilantes, tentativas de repressão florescer e rebeldes desafiarem ferozmente a autoridade. Esperançosamente, será encontrado consenso para evitar o pior e que a justiça prevaleça sobre a lei do mais forte. E, principalmente, que o indivíduo se reconecte, diante dos acontecimentos que o tiram da zona de conforto, ao que há de melhor nele e não ao que o assusta por fora. Quer se trate de medidas repressivas, tentativas de intimidação ou mesmo da lei marcial, nada pode impedir um povo em marcha para o melhor, diga-se em 2021, antes de talvez ver o resultado em 2022...

O clima, o meio-ambiente

Em 2021, Urano pode atear fogo à pólvora em janeiro (por volta do dia 17),em fevereiro (por volta do dia 17 também),em junho (por volta do dia 14) e na época do Natal. Quer o elétron livre do zodíaco colida com Júpiter (em janeiro) ou Saturno (em fevereiro, junho e dezembro),ele pode desencadear movimentos sísmicos destrutivos, movimentos profundos (terremoto, erupção vulcânica, tsunami) para sacudir a crosta terrestre. Fique atento também às ameaças do céu: acidentes aéreos ou de satélites que agora invadem nossa estratosfera. Em 2021, devemos seguir em frente sem renunciar à cautela.

Cabe a nós encontrar soluções engenhosas para continuar a inventar, a inovar sem destruir o meio ambiente, mas sim para restaurá-lo. Em 2021, defensores dos modelos do passado e visionários do futuro certamente se enfrentarão neste terreno. Nem tudo vai acontecer da noite para o dia, e querer tudo imediatamente só pode agravar as sensibilidades de todos os lados. Devemos proceder na ordem e medida em face de uma revolução ecológica essencial e inevitável se ainda quisermos navegar em nossa mãe terra sem que ela tenha o desejo furioso de nos jogar ao mar. Quanto ao vírus que está causando pânico na população, o bom senso e o respeito às medidas de precaução devem ser suficientes para erradicá-lo ou prevenir sua disseminação. Por outro lado, evitemos nos deixar conquistar e subjugar por uma psicose muito mais insidiosa, pois esse é realmente o maior perigo que a humanidade enfrenta: ser divididos pelo medo do outro!

Os astros

Plutão abala as nossas estruturas mais arraigadas desde 2018, um joguinho nem sempre engraçado no qual temos a curiosa sensação de que nada resiste ao trabalho de laminação, de dissolução efetuado pelo senhor das metamorfoses. Nenhum plano (político, econômico, financeiro) é poupado por este agente do caos que, entretanto, destrói e reconstrói sobre valores mais autênticos e espirituais! Evoluindo desde 2008 no signo de Capricórnio, Plutão nos força a evoluir em um clima austero no qual fantasia e leveza são desnecessárias. Em 2021, nenhuma trégua para este planeta que trabalha para acabar com sistemas, crenças e funcionamentos que estão desatualizados, esclerosados e até mortíferos.

Netuno, presente em Peixes desde abril de 2011, nos convida novamente em 2021 a elevar os debates, nosso ponto de vista sobre o mundo e nossa visão sobre o futuro de nossa terra e seus inquilinos. Evoluindo em casa neste signo inspirado, o planeta do mar profundo desperta a consciência da urgência de ir além das necessidades do ego para prestar atenção àquelas do coletivo. Ele nos convida a cuidar de nossos semelhantes e nos reconecta com a parte mais sagrada de nosso ser: a alma que o materialismo furioso muitas vezes relegou para segundo plano. Podemos, assim, observar o surgimento de correntes de pensamento mais preocupadas com o bem-estar de todos. Seja no plano ideológico, da saúde ou da ecologia, nada irá deter esta onda que, lenta mas seguramente, dissolve as crenças que nos impedem de nos superar para finalmente nos permitir inventar um mundo melhor!

Urano está presente em Touro desde maio de 2018 e se libera em 2021. O elétron livre do zodíaco, incômodo no signo fixo de Touro, preso às suas seguranças, nos obriga a deixar nossas zonas de conforto para nos confrontarmos com outros possíveis. Portanto, esperemos ser abalados por volta de 17 de janeiro, 17 de fevereiro, 14 de junho e 24 de dezembro: Urano confronta Júpiter e Saturno sucessivamente para semear confusão nos movimentos de rebelião, uma acentuação dos antagonismos sociais e a explosão de modelos do passado. O ano de 2021 promete ser ainda tumultuado, será necessário canalizar nossa raiva para evitar que a turbulência degenere em guerra aberta e usar nossas forças ativas de uma forma eficiente e verdadeiramente criativa! Como era de se esperar, alguns movimentos de multidão e uma luta pelo poder entre o velho e o novo. O que esperar? Um consenso entre sabedoria, paciência e sede de mudar o modelo de sociedade, sem esquecer que é preciso tempo e rigor para reconstruir! Vamos jogar...

Saturno fez uma breve incursão em Aquário entre 22 de março e 2 de julho de 2020 (período relacionado ao confinamento) e se estabeleceu neste signo visionário em 17 de dezembro de 2020, tomado pela liberdade, para deixá-lo apenas em março de 2023. Se o "grande mestre" do zodíaco evolui bastante à vontade em Aquário, ele não permite a desenvoltura, daí vem esta injunção de nos retirar para dentro de nós mesmos, esta obrigação de sondar nossa alma privando-nos da liberdade para fazer qualquer coisa. Podemos apostar que a lição valeu a pena e que muitos exploraram outros caminhos e imaginaram outras possibilidades para o futuro. Em 2021, Saturno canaliza a onda uraniana várias vezes durante o ano (em fevereiro, junho e dezembro) para nos dar o que pensar e, que não esqueçamos, para perturbar a ordem estabelecida, assumamos nossas responsabilidades como humanos e cidadãos! Teremos que aceitar o jugo saturniano por mais algum tempo para construir algo sólido e que a mudança não se transforme em ilusão ou em uma onda de raiva. A priori, 2022 deve recompensar nossa boa vontade e nossos esforços para mudar sem destruir!

Júpiter irá evoluir no signo de Aquário a partir de 19 de dezembro de 2020, mas dará uma volta em Peixes entre 13 de maio e 28 de julho para voltar a Aquário entre 28 de julho e 29 de dezembro de 2021. A partir de janeiro de 2021 (por volta do dia 17),o gigante do zodíaco amplifica os valores e as energias com as quais ele concorda. Não vale a pena fantasiar sobre a possibilidade de acalmar as coisas, pelo contrário: Júpiter estimula Urano e abre o baile das celebrações anunciadas. Por um lado, um impulso criativo que clama por mudanças, que aspira a melhorar, a renovar os nossos valores e os fundamentos da sociedade, por outro uma tendência infeliz de querer tudo de imediato, o que pode nos expor a abusos e despertar reações repressivas de nossos governantes. A migração temporária de Júpiter para Peixes pode desencadear movimentos empáticos, bem como aumentar os problemas. Esperançosamente, podemos controlar nossas explosões de modo que elas nos sirvam para mudar o mundo para melhor ao invés de mergulhar na confusão, na desordem e transformar nossas revoltas legítimas em soluços estéreis...

Parabéns

Seu cadastro foi efetuado, obrigado pela confiança. Em breve, você receberá seu horóscopo diário direto na sua caixa de entrada.

Fechar

Erro...

Este endereço de e-mail já está em nosso sistema para este signo do zodíaco. Não é necessário se registrar novamente.

Fechar

5 sinais de que você está apaixonado

Como é que você navega na internet?

É a grande limpeza de Primavera!

Mais vocação para ser empregado ou chefe?