Astrologia

Conheça a astrologia ocidental

Elena | 17/05/2018 - Última modificação: 02/10/2020

A palavra astrologia vem do grego: astron, estrela; e logos, fala. Etimologicamente, a astrologia é, portanto, o discurso das estrelas, mas, na realidade, a astrologia ocidental usa os planetas do sistema solar. A astrologia é uma disciplina baseada na interpretação simbólica das correspondências entre o movimento dos planetas, as constelações e os humanos, no plano coletivo ou individual. A astrologia é usada como uma ferramenta de adivinhação. A astrologia ocidental nasceu na Suméria, depois influenciou o Egito, depois a Babilônia e, finalmente, a Grécia, de onde passou pelos Árabes antes de chegar à Europa. Ela ganha um interesse renovado desde o século XX. Podemos dividir a astrologia ocidental em três etapas:

A astrologia individual analisa o mapa de nascimento de um indivíduo, tendo como objetivo tornar-se consciente de si mesmo e abordar o mais serenamente possível as diferentes fases da vida, as transformações e os períodos críticos. O mapa natal também analisa as relações com os outros. Os horóscopos eram muito populares na Idade Média, eles voltaram à moda pelas revistas que revelam para cada signo as tendências do momento. O horóscopo por signo é apreciado por um público que confia nele, é especialmente um entretenimento, sem implicação pessoal. A astrologia mundial observa as relações entre os acontecimentos do mundo e os movimentos planetários do sistema solar. É a forma mais antiga de prática astrológica. Assim, ela pode esclarecer o passado e elaborar previsões coletivas.Na prática, muitos elementos são usados.

Os planetas: o Sol, a Lua, Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter, Saturno, Urano, Netuno e Plutão. Alguns pontos fictícios: nós lunares Norte e Sul, a lua negra, a parte da fortuna. As constelações simbolizadas pelos 12 signos do zodíaco tropical: Áries, Touro, Gêmeos, Câncer, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes. As casas de 1 a 12 e principalmente: o Ascendente a leste, o fundo do céu ao norte, o descendente a oeste e o meio do céu ao sul.
Os elementos: fogo, terra, ar e água.
Os modos de vibração: cardinal, fixo e mutável.
Os aspectos maiores: conjunção, oposição, trígono, quadratura, sextil.
Os planetas retrógrados.
Os planetas e pontos fictícios nos signos.
Os planetas e pontos fictícios nas casas.
Os trânsitos planetários e as progressões são usados para desenvolver previsões coletivas ou individuais.

Os signos do zodíaco ocidental

Áries: Áries é o primeiro signo do zodíaco, Áries é um signo cardinal que coincide com o equinócio de outono, seu elemento é o fogo. Áries é combativo, corajoso, prestativo, franco, seguro de si e instintivo. Mas ele também é conflituoso, barulhento, imprudente, impulsivo e egocêntrico.

Touro: Touro é o segundo signo do zodíaco, Touro é um signo fixo que coincide com o meio do outono, seu elemento é a terra. Touro é cordial, caloroso, resiliente, trabalhador, sensual e epicurista. Mas ele também é teimoso, ganancioso, guloso, possessivo e rancoroso.

Gêmeos: Gêmeos é o terceiro signo do zodíaco, Gêmeos é um signo mutável que coincide com o final do outono, seu elemento é o ar. Gêmeos é inteligente, adaptável, habilidoso, eloquente, engenhoso e rápido. Mas ele também é muito falante, curioso, irônico, inconstante e indiscreto.

Câncer: Câncer é o quarto signo do zodíaco, Câncer é um signo cardeal que coincide com o solstício de inverno, seu elemento é a água. Câncer é intuitivo, protetor, imaginativo, sensível, afetuoso e tenaz. Mas ele também é caprichoso, ansioso, passivo, sensível e ingênuo.

Leão: Leão é o quinto signo do zodíaco, Leão é um signo fixo que coincide com o meio do inverno, seu elemento é o fogo. Leão é caloroso, atencioso, criativo, generoso, organizado e leal. Mas ele também é autoritário, bravo, orgulhoso, intolerante e arrogante.

Virgem: Virgem é o sexto signo do zodíaco, Virgem é um signo mutável que coincide com o final do inverno, seu elemento é a terra. Virgem é conscienciosa, discreta, dedicada, precisa, modesta e prestativa. Mas ela também é perfeccionista, exigente, rigorosa, medrosa, crítica e inqueta.

Libra: Libra é o sétimo signo do zodíaco, Libra é um signo cardinal que coincide com o equinócio de primavera, seu elemento é o ar. Libra é gentil, sociável, diplomata, justa, equilibrada e refinada. Mas ela também é crédula, dependente, indecisa, superficial e influenciável.

Escorpião: Escorpião é o oitavo signo do zodíaco, Escorpião é um signo fixo que coincide com o meio da primavera, seu elemento é a água. Escorpião é sedutor, forte, inspirado, lúcido, passional e opinativo. Mas ele também é desconfiado, destrutivo, misterioso, ciumento e cruel.

Sagitário: Sagitário é o nono signo do zodíaco, Sagitário é um signo mutável que coincide com o fim da primavera, seu elemento é o fogo. Sagitário é otimista, expansivo, benevolente, filósofo e espontâneo. Mas ele também é descontraído, moralista, turbulento, imprudente e excessivo.

Capricórnio: Capricórnio é o décimo signo do zodíaco, Capricórnio é um signo cardinal que coincide com o solstício de verão, seu elemento é a terra. Capricórnio é trabalhador, firme, disciplinado, realista, ambicioso e sóbrio. Mas ele também é rígido, pessimista, fatalista, severo e conservador.
Aquário: Aquário é o décimo primeiro signo do zodíaco, Aquário é um signo fixo que coincide com o meio do verão, seu elemento é o ar. Aquário é erudito, livre, autônomo, inventivo, independente e moderno. Mas ele também é distante, imprevisível, rebelde, irritante e excêntrico.

Peixes: Peixes é o décimo segundo signo do zodíaco, Peixes é um signo mutável que coincide com o final do verão, seu elemento é a água. Peixes é caridoso, dócil, intuitivo, adaptável e altruísta. Mas ele também é hipersensível, confuso, despreocupado, dependente e elusivo.

Os planetas do sistema solar

O Sol: O Sol designa o signo natal. Simboliza a personalidade.

A Lua: A Lua atravessa cada signo em cerca de dois dias, demora 28 dias e meio em média para viajar pelo zodíaco. Ela simboliza a Mulher e o mundo das emoções.

Mercúrio: Mercúrio é um planeta que atravessa as 12 constelações em 88 dias. Simboliza a inteligência e todos os meios de comunicação.

Vênus: Vênus percorre o zodíaco em cerca de 116 dias, ou 4 meses. Este planeta simboliza o amor e as conquistas financeiras.

Marte: Marte percorre o zodíaco em cerca de dois anos e, portanto, permanece em média dois meses em cada signo. Simboliza força de vontade e coragem, mas também nos deixa impulsivos e egocêntricos.

Júpiter: Júpiter é um grande planeta gasoso que completa sua revolução em 12 anos. Simboliza expansão e sorte, mas também os excessos.

Saturno: Saturno completa sua revolução em 29 anos e meio e causa a "crise dos anos trinta". Simboliza domínio, disciplina e ambição.

Urano: Urano leva cerca de 84 anos para percorrer o zodíaco e, assim, permanece sete anos em cada signo. Simboliza a mudança e a liberdade individual.

Netuno: Netuno completa sua revolução em mais ou menos 165 anos. Portanto, marca toda uma geração a partir de sua impressão deixada no signo. Simboliza o inconsciente e a intuição.

Plutão: Plutão leva cerca de 248 anos para percorrer o zodíaco, é o planeta mais distante do sistema solar. Simboliza as profundezas da alma, a morte e a sexualidade.

Com base nestas informações, o astrólogo estuda o efeito dos planetas em um certo clima (o signo) e em um domínio particular (a casa).

Parabéns

Seu cadastro foi efetuado, obrigado pela confiança. Em breve, você receberá seu horóscopo diário direto na sua caixa de entrada.

Fechar

Erro...

Este endereço de e-mail já está em nosso sistema para este signo do zodíaco. Não é necessário se registrar novamente.

Fechar