Astrologia

As boas ideias de Elena para as festas

Escrito por Elena

Elena, a nossa astróloga, entrega-lhe as suas reflexões e propostas para o Natal e Ano Novo!

Mais tarde, quando estivermos velhos, o ano de 2020 será o ano do Natal e Ano Novo mais bizarros que teremos vivido!

No momento em que escrevo estas linhas, ainda não sabemos o que os nossos governos nos reservam para o Natal e para o Ano Novo. Mas por que esperar? Porque não refletir agora sobre o período de festividades todo-o-terreno? Porque não antecipar eventuais restrições, revelando imaginação, inventividade (a entrada de Júpiter e Saturno em Aquário, na segunda quinzena de dezembro, deverão ajudar-nos consideravelmente).
Sujeita, como toda a gente, a este ambiente pesado e prejudicial, acabei de ter uma iniciativa: falei com os meus filhos e os meus netos, propondo-lhes o início de uma lotaria familiar em que cada um põe o que pode, quando pode, com o objetivo de fazermos uma escapadela, na medida do possível, para um lugar bonito, à beira-mar ou nas montanhas, longe da rotina, dos bens materiais e juntos na nossa ternura acolhedora, três gerações misturadas.

Fiquei com a sensação de ter provocado um furacão: cada um veio com a sua ideia-
- Siiiiiim!
- Ah, legal! Estou nessa!
- Para a zona da praia!
- Não, para o campo, onde se faz vinho e existem belas mansões!
- Sim, mas temos as crianças...
- Num hotel ou numa pousada?
- De carro ou de avião?
- Quando? Tenho de ver se estou livre...
- Para as montanhas: nunca vamos lá e é agradável a qualquer altura...

O meu signo é Câncer: não é de admirar, afinal, que o meu sobressalto diga respeito à minha família... Se ainda tivesse uma avó, penso que lhe teria feito chegar um iPad ao seu lar, apresentando-lhe as alegrias dos vídeos familiares.

Temos todo o potencial necessário para reagirmos, para recebermos a fatia de felicidade que merecemos, oferecendo-a aos outros, o que irá aumentar o efeito do bem-estar e da plenitude. Aproxima-me o momento de fazer tréguas, prepare-as cuidadosamente para que este ano catastrófico termine com uma boa memória (de entre as que restam).

Em suma, para o Natal e o Ano Novo

Para os nossos idosos mais afastados: postais, cartas escritas à mão, álbuns de fotos, os desenhos mais bonitos das crianças bem emoldurados.

Para os nossos entes íntimos mais gulosos: biscoitos, compotas, empadas, trufas de chocolate, tudo caseiro, claro!

Para manter a moral sentindo-se atraente para a sua pessoa amada, atraente para ela: joias artesanais, perfumes inéditos, uma roupa bonita. A Internet está cheia de vídeos sobre praticamente tudo, tornou-se fácil transformarmo-nos nalgumas horas num excelente modista, pintor talentoso ou joelheiro inspirado.

Para os pequenos: o grande regresso dos jogos sociais, das histórias à lareira, das sessões memoráveis de cozinha: panquecas, bolachas, biscoitos de Natal, uma caça ao tesouro maluca em casa, jogar à apanhada no jardim...

Em casal: sem poder faltar, uma passagem e ano à luz das velas, lentejoulas e enfeites como deve ser. Mas porque não dar asas à imaginação? Prepare-lhe um vídeo onde você, olhando-o nos olhos, declara o que sente: uma bela recordação para guardar e mostrar às crianças dentro de alguns anos.

Para os dotados na escrita, um romance que conte o vosso primeiro encontro, com palavras caras.

Tente lembrar-se dos seus filmes preferidos e organize uma passagem de ano no sofá, a verem os vossos vídeos preferidos, um atrás do outro.

Em família, façam juntos o vosso menu e decidam quem faz o que. Se esta distribuição de tarefas causar problemas, tirem à sorte! Mas todos devem ter um papel, para que todos sejam importantes.

Do mesmo modo, convide o seu pequeno a dar o melhor dele durante o período de festas. Quer se trate da preparação da passagem de ano ou dos presentes, é o momento de expor os seus talentos na cozinha, decoração, bijuteria, como humorista, a cantar ou na música.

Uma noite de regresso ao passado a considerar: músicas! Nada como cantarem juntos as melodias mais famosas para se sentirem unidos, num ambiente de convívio. Também não é difícil encontrar karaokês na Internet: diversão garantida!
Para os solitários, que vivem há meses no fundo da caverna: regressem para a luz, contatem o vosso sobrinho perdido de vista para saber as suas novidades. Trave conhecimento com o seu vizinho e proponha-lhe fazerem as compras em conjunto às compras ou cultivarem juntos uma horta. Não hesite em fazer conversa com o funcionário da loja ou a pasteleira do bairro, com aquele sem-abrigo no canto da rua que tem um ar tão gentil. Abra-se aos outros e os outros virão até si!

Para aqueles que perderam o seu emprego, o seu negócio, as suas economias: não fique a remoer sobre o que perdeu, faça o que for necessário para se conceder uma pausa na última semana do ano. Faça planos! Se aquilo com que sonhou correu mal, sonhe com outra coisa, alimente a sua criatividade, pense noutra profissão, outros mercados, numa nova forma de trabalhar, em métodos por que não insólitos. Reinvente a sua vida socioprofissional, não se afogue em reminiscências. Projete-se no futuro porque é nele que podemos fazer alguma coisa.

E você?

O que é que você propõe? Partilhe a sua fórmula, a sua ideia luminosa, a sua solução alternativa!

Todos juntos, façamos destas festividades momentos particularmente criativos, para, no final, guardar delas uma memória maravilhosa e entrar mais tranquilo, mais otimista e mais forte num novo ano muito promissor, digam o que disserem!

Parabéns

Seu cadastro foi efetuado, obrigado pela confiança. Em breve, você receberá seu horóscopo diário direto na sua caixa de entrada.

Fechar

Erro...

Este email é inválido ou já está cadastrado em nosso sistema.

Fechar

Horóscopo Exclusivo da Candelária

Astrologia: dieta para o verão

Descubra os segredos da Lua negra

Calcule a posição de Vênus