Astrologia

Compreenda a conjuntura de 2021

Andreia | 04/12/2020 - Última modificação: 04/12/2020

Em 2020, o céu nos abalou! Em 2021, ele continua a nos pressionar? Sem dúvida, mas talvez nos questionemos sobre a razão e o propósito de um terremoto tão coletivo!

É a oportunidade em meio a uma crise global de reajustar o foco a fim de direcionar mais conscientemente nossas prioridades! Se os noticiários nos alimentam e nos inundam com más notícias e informações deprimentes, não pule um certo movimento fundamental que tende a buscar, com mais intensidade e urgência, a criatividade, a participação de cada um e a solidariedade de todos.



Certamente, temos a impressão de que estamos caminhando com uma venda (assim como uma máscara no rosto) e sem saber o que o futuro nos reserva. É claro que as perspectivas para o próximo ano nos preocupam! Temos a promessa de uma vacina, de ajuda, etc... Mas no final podemos tirar vantagem do caos que nos cerca para nos reconectarmos a um desejo que ressurge de ganhar a lua. Os humanos se alimentam de sonhos, mas, no final, eles realizaram muitos, demais!
O progresso não passará apenas por avanços científicos, mas também pelos esforços que fazemos para recuperar o controle de nossa própria criatividade, de nosso destino e então nos darmos todas as chances de precipitar a balança para nossa vantagem. Qual?

Aquela que abre nossos olhos em vez de amordaçar nossos neurônios e nossas bocas! Ok! Mas ninguém é responsável pelo nosso abandono de nós mesmos!
Em 2021, um antigo sistema se desintegra, há uma tensão se instala (permanece) entre o medo de sair de uma zona de conforto que acaba se tornando mortífera (desejo de guardar o que sabemos e que, no entanto, nos seca, nos isola, nos restringe) e o desejo que começa a apontar e a nos provocar para nos libertar dos grilhões e crenças que nos aprisionam?

Chego a hora de escolher!

Não se trata de destruir tudo, mas sim de reinventar um mundo melhor em um nível mais alto. Na verdade, é apenas redescobrindo o desejo de amar, compartilhar, criar e transportar valores que nos elevam espiritualmente que você terá mais sucesso em transformar céus cinzentos em céus azuis.

Será preciso coragem, ousadia e reconquistar a fé em nós mesmos e em nossa própria capacidade de ultrapassar os limites do que é possível. Sem dúvida, somos capazes disso, então... vamos lá!

Em vez de abrigar todos os tipos de teses fomentadoras do medo, conspiratórias ou retrógradas, ousemos nos libertar do velho condicionamento que muitas vezes nos mantém sob sigilo e não nos permite expressar todo o nosso potencial. É chegado o momento, em 2021, de aproveitar o declínio anunciado para tentar outra coisa, de propor encantar novamente o mundo individual e coletivamente. Nem tudo vai acontecer num estalar de dedos, mas se trabalharmos com coragem, paciência e perseverança para despertar a nossa verdadeira dimensão humana e criativa, não há razão para acreditar que caminhamos para o pior, pelo contrário, é a certeza de finalmente reencontrar nossa dimensão de semeadores de estrelas. Uma colheita promissora é esperada e, por que não, já em 2022!

Então, aguenta coração e não hesitemos um segundo em embarcar juntos (e não um contra o outro) na aventura que, sem dúvidas, promete ser épica, mas acima de tudo revelar o melhor de nós mesmos!

Parabéns

Seu cadastro foi efetuado, obrigado pela confiança. Em breve, você receberá seu horóscopo diário direto na sua caixa de entrada.

Fechar

Erro...

Este endereço de e-mail já está em nosso sistema para este signo do zodíaco. Não é necessário se registrar novamente.

Fechar